Montemor-o-Velho: Ereira vai ter investimento superior a 165 mil euros





A requalificação da zona envolvente à Igreja Matriz da Ereira está mais perto de ser uma realidade. Na última reunião do executivo montemorense foi deliberado, por unanimidade, dar início aos procedimentos que vão transformar a porta de entrada da freguesia. O projeto elaborado pela Câmara Municipal promete requalificar e redefinir o núcleo central da Ereira, próximo do Esteiro. O arranjo urbanístico pretende reforçar a segurança daquela zona, redesenhando a estrutura viária com a criação de uma plataforma elevada, de modo a forçar uma redução da velocidade, alargando passeios e redefinindo as passadeiras existentes, assegurando uma maior segurança dos peões. Previsto está ainda o ordenamento do estacionamento existente com a criação de novos lugares, assim como o arranjo pontual do jardim, com a renovação de luminárias e a retirada de alguns arbustos, não faltando, igualmente, a substituição do módulo de bar existente e a mudança do abrigo de passageiros para um local com maior segurança. 

 Com um investimento municipal superior a 165 mil euros e com um prazo de execução de 180 dias, a intervenção vai seguir os trâmites legais com vista à sua implementação, nomeadamente a proposta de abertura de procedimento, aprovação do projeto, anúncio, programa de concurso e caderno de encargos. Esta é uma das 50 empreitadas que o Município de Montemor-o-Velho tem em curso nas 11 freguesias do concelho e cujo investimento total ultrapassa os 8,5 milhões de euros. Mesmo em tempo de pandemia, a Câmara Municipal de Montemor-o-Velho não pára e continua a avançar com os projetos essenciais para o futuro do concelho e para o bem-estar dos Munícipes, promovendo a retoma e o crescimento da economia.

Publicar um comentário

0 Comentários