Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

18 de julho de 2019

«Foz Plaza Figueira Beach Rugby International» integra competições paralelas com novos escalões em competição e conjunto de ações de sensibilização para a sustentabilidade e educação ambiental




A 10ª edição do «Foz Plaza Figueira Beach Rugby International», que se realiza uma vez mais na Figueira da Foz, no fim de semana de 20 e 21 de julho, foi publicamente apresentada ao final da manhã de ontem, 17 de julho, no Salão Nobre dos Paços do Município. Na sessão estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal, Carlos Monteiro, a Vereadora do Desporto, Mafalda Azenha, o Presidente do Turismo Centro de Portugal, Pedro Machado, o Presidente da Federação Portuguesa de Rugby, Carlos Amado da Silva, e em representação da organização do evento, Rui Loureiro. 



O «Foz Plaza Beach Rugby International», última etapa do Circuito Europeu de Beach Rugby, irá colocar em competição 700 atletas, de 42 equipas (28 masculinas e 12 femininas), provenientes de 10 países (Portugal, Ilhas do Pacífico, África do Sul, Alemanha, Itália, Bélgica, Holanda, França, Ilhas Curaçau e Inglaterra) e decidir quem se irá sagrar campeão europeu masculino e feminino, em 2019. O evento inclui este ano, pela primeira vez, a EBRA Master Final Cup, que junta 12 equipas (vencedoras dos torneios do Circuito Europeu de 2028 e das diversas Ligas Nacionais europeias), a EBRA U16Youth Coup, com 8 equipas (6 nacionais e 2 holandesas ) em competição, no escalão sub 16. Inclui ainda a Figueira Beach Rubgy Youth Cup Sub Sub12/ Sub14, que coloca em disputa mais de duas centenas de jovens atletas dos escalões de sub12 /sub 14. O Presidente da Câmara Municipal, Carlos Monteiro, destacou na sua intervenção que o «Figueira Beach Rugby International» é um evento que para além de uma componente de incentivo à prática desportiva, tem também uma "forte componente de turismo”, bem como preocupações de sustentabilidade ambiental “temos obrigação de cuidar do nosso planeta, de o deixar melhor do que o encontrámos". O Edil referiu ainda a questão de a prova integrar cada vez mais equipas femininas, o que reflete uma clara preocupação com a igualdade de género. A Vereadora do Desporto, Mafalda Azenha, relembrou que foi o sucesso deste evento que "serviu de mote" ao programa municipal «Figueira Beach Sports City», ao tornar evidentes as capacidades que o vasto areal da praia possui, e que podem fazer da Figueira da Foz, uma "cidade com elevada prática desportiva". Pedro Machado, Presidente do Turismo Centro de Portugal, que fez menção aos vários indicadores do crescimento do turismo na Região Centro, não deixou de realçar que é com marcas diferenciadoras, como a «Beach Sports City» e todo um conjunto de eventos que decorrem ao longo do ano e que manifestam a capacidade de a Figueira ser ativa 365 dias, que a mesma pode ser, para além de ponto para todos, também Figueira "365”. Rui Loureiro, agradeceu o apoio do Município, de todos os patrocinadores e destacou a campanha "cada ensaio conta", que atribui o valor de 0,50€ a cada ensaio marcado durante o evento, o qual irá reverter para os Escuteiros Marítimos da Figueira da Foz, que irão prestar auxílio na promoção de várias iniciativas previstas na área da sustentabilidade e educação ambiental. O evento irá promover o uso de copos de plástico reutilizáveis, de garrafas de água reutilizáveis, que os atletas poderão encher nos vários pontos de água espalhados pelo recinto, assim como, com o apoio da Empresa Alves Bandeira, a limpeza da praia. Os resíduos de plástico recolhidos e entregues nos pontos identificados, serão trocados por brindes. Carlos Amado da Silva, Presidente da Federação Portuguesa de Rubgy, que encerrou as intervenções, manifestou regozijo pela realização da 10ª edição do evento, e manifestou todo o apoio da Federação a esta e outras iniciativas na área do Rugby, que a Figueira promova, pois no seu entender a Figueira da Foz é a sede do "Beach Rugby"

1 comentário:

  1. Se é para fazer comentário então aqui vai. Não vejo na fig da foz , uma saída para cultura e dinamismo, para as sociedades , que se englobam na fig . Não vejo expectativa , de ter uma fig bem harmoniosa , em todos capítulos . Tavarede e não só têm por ai terrenos bem sujos , se bem: que os olhos também comem, sim os banhistas , talvez dececionados , com esta estrutura a todos níveis . Aqui é fecha buracos abre buracos se fazem Hipermercados se fecham outros Então onde está o desenvolvimento desta pobre terrinha ? Esta pior , que anos transatos . No tempo do Dr Santa Lopes ele lá fez algo, mas agora: o PS não faz nada . Aqui não há cultura nem desenvolvimento intelectual Será este o gozo do PS aqui Na Figueira da Foz ?

    ResponderEliminar

Mais recentes em destaque

Direitos de Autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.

Copyright © Foz ao Minuto