31 de dezembro de 2017

Autoridade Marítima recomenda que se evitem banhos de final de ano


ATENÇÃO


A Autoridade Marítima Nacional (AMN) aconselha a população que se abstenha de actividades ou passeios junto à costa, assim como dos tradicionais banhos de final do ano, devido às previsões de ondulação forte até à próxima terça-feira. 

 «Com o aproximar das festividades da noite de fim de ano, a Autoridade Marítima Nacional aconselha para não ir a ao banho, em especial se tiver consumido bebidas alcoólicas», sugeriu a AMN, numa nota publicada online.

De acordo com esta autoridade, a previsão do estado do mar na costa oeste, a partir do final da tarde de hoje e até dia 2 de Janeiro, é de ondas até cinco metros de altura no mar, «que provoca forte rebentação junto à faixa litoral, ao que se junta a baixa temperatura da água do mar normal para a época do ano». 

«São factores de risco para as pessoas e que aumentam a probabilidade de ocorrência de acidentes com aqueles que nesta altura do ano gostam de ir a banhos", salientou. A AMN recomendou à população em geral «que se abstenham da prática de passeios junto à costa e nas praias, bem como da prática de actividades lúdicas nas zonas expostas à agitação marítima, sendo essencial que assumem uma postura preventiva não se expondo desnecessariamente ao risco». 

Aos pescadores lúdicos de pesca à cana aconselhou «cautela, evitando pescar junto a zonas de arriba nas frentes costeiras atingidas pela rebentação das ondas». «Caso exista absoluta necessidade de se deslocar até à orla costeira, deverá manter-se uma atitude vigilante e ter sempre presente que, nestas condições extremas, o mar pode facilmente alcançar zonas aparentemente seguras», acrescentou.


Fonte: Autoridade Marítima Nacional via DN.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Anuncio

Anuncio
Copyright © fozaominuto