Ginásio Clube Figueirense emitiu comunicado a fazer alguns esclarecimentos





O Ginásio Clube Figueirense emitiu esta tarde um comunicado onde fez alguns esclarecimentos sobre informações que considera " não corresponderem minimamente à verdade" divulgadas no texto de uma entrevista efectuada por um jornal local à vereadora do Desporto Mafalda Azenha, leia na íntegra o comunicado:


«O jornal “As Beiras” publicou na sua edição de 11 do corrente um resumo da entrevista que a Vereadora Mafalda Azenha concedeu ao Programa Dez&10. Dado que algumas afirmações divulgadas no texto não correspondem minimamente à verdade dos factos, o Ginásio Clube Figueirense, em defesa da dignidade do Clube e dos seus dirigentes, vem esclarecer o seguinte: 1 - Questionada sobre se a Câmara “comprou” uma guerra com o Ginásio, Mafalda Azenha respondeu que “só é uma guerra se o Ginásio estiver decidido a construir uma piscina, que já disse que não está” É inteiramente falso e no mínimo abusivo referir que qualquer responsável do Ginásio alguma vez tenha afirmado que o Clube não está decidido a construir uma nova piscina. O terreno que foi cedido ao Clube em 2004 esteve sempre reservado para o efeito e o respectivo projecto está executado, apenas não tendo avançado porque o actual Quadro Comunitário - Portugal 2020 - não prevê qualquer apoio à construção de novos equipamentos desportivos. Também se deixou sempre bem claro que a obra de remodelação da actual piscina, recentemente efectuada, foi uma opção de médio prazo, conforme aliás deliberação da Assembleia Geral do Clube em 31.03.2016. 2 - A Vereadora acrescentou que “não achamos que seja uma guerra, porque achamos muito estranho que o Ginásio diga que a Câmara quer construir uma piscina e o Ginásio não a quer deixar construir naquele terreno (onde só pode ser construída uma piscina)” Esta afirmação também é falsa, pois nunca a Câmara Municipal apresentou ao Ginásio qualquer proposta ou sugestão, formal ou não, para uma Piscina Municipal ser construída naquele terreno. 3 - Refere-se ainda no texto, numa afirmação que não é atribuída à responsabilidade da Vereadora, que o Ginásio “tem mostrado desagrado em relação àquela iniciativa da autarquia”. 1/2 A propósito, basta citar um excerto do texto divulgado pelo Clube em 3 de Setembro p.p., respeitante à preocupação de alguns responsáveis políticos locais com a não existência de uma Piscina Municipal na Figueira da Foz. “Pois bem, do que estão à espera para a construir?! Ontem já era tarde... bastando recordar-lhes que estão no poder desde 2009!” 4 - Todo o processo da tentativa de construção de uma nova Piscina está aliás documentado, para quem o quiser consultar, no Memorial (1999-2019) publicado no site oficial do Clube, com link de acesso na página principal. São factos e não especulações nem palpites! E não é só a relação com a Câmara Municipal que deve ser “biunívoca”, conforme a Senhora Vereadora refere. A verdade também!»

Enviar um comentário

0 Comentários