Portugal disponibilizou 20 milhões de euros para combater espécies invasoras





Portugal disponibilizou 20 milhões de euros nos últimos três anos para controlo e erradicação de espécies invasoras aquáticas e terrestres no território nacional, disse ontem em Montemor-o-Velho, o secretário de Estado das Florestas.

As espécies invasoras "prejudicam a biodiversidade, na medida em que onde entram tornam-se hegemónicas e acabam por prejudicar outras espécies que existem nesses ecossistemas", referiu João Paulo Catarino, no final da sessão de apresentação do projeto de Gestão de Plantas Invasoras Aquáticas no Território da CIM Região de Coimbra. 


O projeto conta com o apoio da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), da Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva EDIA) e a colaboração da Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC).

Publicar um comentário

0 Comentários