Celebra-se hoje o Dia Internacional da Mulher

 





A ideia de uma celebração anual surgiu após o Partido Socialista Americano (Socialist Party of America) organizar o dia da mulher, a 20 de fevereiro de 1909, em Nova York — numa manifestação pela igualdade de direitos civis e defesa do direito ao voto feminino.

Durante as conferências de mulheres na Internacional Socialista, em Copenhaga, 1910, foi sugerido, por Clara Zetkin (professora e jornalista alemã) que o Dia da Mulher passasse a ser celebrado todos os anos, sem que, no entanto, fosse definida uma data específica. 

A partir de 1913, as mulheres russas começaram a celebrar a data com manifestações que se realizavam no último domingo do mês de fevereiro. 

Em 23 de fevereiro, ainda na Rússia Imperial, organizou-se um grande passeio de mulheres, em protesto contra a carestia, o desemprego e a deterioração geral das condições de vida no país, alguns operários metalúrgicos acabaram por se juntar à manifestação, que se estendeu por dias. Nos anos seguintes, o Dia da Mulher passou a ser comemorado naquela mesma data, pelo movimento socialista, na Rússia e em países do bloco soviético. 

Em 1975, o dia 8 de março foi instituído como Dia Internacional da Mulher, pelas Nações Unidas. Atualmente, a data é comemorada em mais de 100 países — como um dia de protesto por igualdade de direitos ou de celebração do feminino, comparável ao Dia das Mães.

Enviar um comentário

0 Comentários