Município da Figueira da Foz erradicou último acampamento do concelho

 




O Município da Figueira da Foz deu ,esta sexta-feira, mais um passo importante na defesa da inclusão de todos os cidadãos residentes no concelho, promovendo a erradicação do último acampamento existente na Figueira da Foz. 

Ao abrigo do programa de realojamento e acompanhamento da empresa municipal Figueira Domus, sete pessoas, de 2 agregados familiares, viram as suas vidas ganhar novo propósito, passando a habitar em fogos de habitação social com as devidas condições de habitabilidade. Assim, o acampamento, composto por pré-fabricados, na Ferrugenta, em Tavarede, será devidamente demolido pelos serviços técnicos do Município da Figueira da Foz. 


O Município da Figueira da Foz «considera que este passo foi fundamental para a correta integração das famílias uma vez que a falta de condições de habitabilidade, salubridade e segurança dos pré- fabricados, deteriorados com o passar dos anos, em localização que facilita o isolamento e a segregação social. Assim, a Figueira Domus conseguiu disponibilizar com a anuência e satisfação das famílias em questão dois fogos um de tipologia T2, e outro de tipologia t3, atendendo às diferentes dimensões dos agregados, realojando as duas famílias no Bairro da Fonte Nova, em Brenha». 

A seleção dos fogos teve em atenção, entre outros fatores, a capacidade de aceitação e adaptação das famílias aos bairros de destino e vice- versa, e a proximidade de equipamentos sociais para as necessidades específicas. A política social que o Município e a empresa municipal tem vindo a implementar é sustentada no entendimento de que qualquer plano de realojamento não termina na atribuição dos fogos, antes preconiza o acompanhamento reiterado e regular, quer de índole social, quer de verificação do uso e estado dos fogos, em defesa simultânea dos cidadãos, das comunidades e dos bens colocados ao serviço do interesse público.

Enviar um comentário

0 Comentários