PSP/Figueira da Foz recebeu 700 armas que serão destruídas ou afetas às forças e serivços de segurança



«No dia 26 de novembro de 2020, na sede deste Comando e na Divisão Policial da Figueira da Foz, procedeu-se à preparação de 700 armas (de caça e defesa pessoal) e 2000 munições e cartuchos de diversos calibres, para serem entregues ao Departamento de Armas e Explosivos da Direção Nacional da PSP» informou a PSP através de nota de imprensa.

Maioritariamente, são provenientes de entregas voluntárias ao Estado pelos seus legítimos proprietários e de apreensões, são declaradas perdidas a favor do Estado em Processos Judiciais ou Contraordenacionais. 

Nos termos do Regime Jurídico das Armas e suas Munições, estas armas serão agora destruídas ou afetas às forças e serviços de segurança para serem usadas em formação, em serviço.

Enviar um comentário

0 Comentários