Município da Figueira da Foz implementa novas medidas para fazer face à COVID-19

 

 



Face à situação epidemiológica do concelho da Figueira da Foz, a Comissão Municipal de Proteção Civil reuniu esta terça-feira, 10 de novembro, no Centro de Artes e Espectáculos, a fim de fazer a análise da evolução da pandemia e determinar um conjunto de ações para entrarem em vigor no imediato.  

Desta forma, no âmbito municipal, a autarquia aprovou um conjunto de medidas, entre as quais o estabelecimento de zonas de concentração e apoio, contabilizando 67 camas no Colégio de Quiaios, 22 camas no Centro Social Cova Gala e 15 camas nos bungalows do Parque de Campismo de Quiaios. Encontra-se em fase de adaptação a Casa de N. Srª do Rosário (Freirinhas), propriedade da Associação Fernão Mendes Pinto, onde existirá um acréscimo significativo das capacidades de apoio, em caso de necessidade. No que diz respeito aos profissionais de saúde, encontram-se reservados os bungalows do Parque de Campismo Municipal. 

Para a colaboração na execução e/ou implementação dos Planos de Contingência, a autarquia destacou visitas técnicas conjuntas da Autoridade de Saúde, Segurança Social e Proteção Civil às Estruturas Residenciais para idosos e visitas técnicas da Autoridade de Saúde e da Proteção Civil aos Agrupamentos de Escolas. 

Importa ainda referir que, entre os meses de outubro e novembro, em campanhas de rastreio, foram realizados, 1125 testes serológicos, nomeadamente aos ajudantes de ação direta das Estrutura Residenciais, Bombeiros Sapadores, Bombeiros Voluntários, Cruz Vermelha Portuguesa - delegações da Figueira da Foz, Maiorca e Borda do Campo. 

No que diz respeito aos testes rápidos de antigénio, o Município já disponibiliza esta capacidade de resposta em estreita colaboração com a saúde pública local. Está também a articular com o ACES do Baixo Mondego o reforço da equipa de saúde de apoio ao Município. 

O Município informa ainda que participaram na reunião o presidente da Câmara Municipal, Carlos Monteiro, que presidiu a sessão, a vereadora Diana Rodrigues, o vereador Miguel Pereira, o Comandante Distrital da ANEPC, Carlos Luís Tavares , o representante do Centro Distrital da Segurança Social, Dr. José Maria, o Comandante do Porto da Figueira da Foz, Joaquim Sotto Mayor, o subchefe da Capitania do Porto da Figueira da Foz, Paulo Martins, o Comandante da PSP -Figueira, José Freitas, o Comandante da GNR -Figueira, Tiago Dinis, o enfermeiro do Hospital Distrital da Figueira da Foz, Rui Miguel, o coordenador da Cruz Vermelha Portuguesa, Pedro Bastos, o diretor executivo do ACES Baixo Mondego, José Luís Pinto, o Delegado de Saúde da Figueira da Foz, Dr. José Faria, o Comandante dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, Jody Rato e, em representação da Assembleia Municipal, António Salgueiro e Paulo Pinto, bem como os Técnicos do Serviço Municipal de Proteção Civil e Ação Social do Município. 


Publicar um comentário

0 Comentários