Grupo Lusiaves investe mais de meio milhão no apoio ás instituições sociais e de saúde





Através de nota de imprensa, o Grupo Lusiaves anunciou o investimento de mais de meio milhão no apoio a instituições sociais e de saúde:

«O Grupo Lusiaves, líder ibérico do sector avícola, tem uma política de cidadania responsável, assumindo sempre um compromisso com as comunidades onde está presente. Perante o atual cenário de pandemia, o Grupo reforçou esse compromisso social investindo, até ao momento, mais de 550.000 Euros em diversos apoios e donativos à Comunidade. Na área da saúde destaca-se a oferta de 12 ventiladores e o financiamento de salas de tratamentos. No distrito de Leiria, após o apoio de 150.000 Euros que o Grupo Lusiaves anunciou em novembro, para garantir a expansão da unidade de pneumologia do Hospital Santo André, ofereceu também a esta instituição 6 ventiladores. Para além desse apoio, o Grupo garantiu o financiamento para a adaptação das salas hospitalares existentes, com o objetivo de criar salas melhor preparadas no tratamento de doentes infetados por COVID19 e garantiu também financiamento para investir em monitores médicos para os ventiladores já existentes. O Grupo Lusiaves garantiu ainda o financiamento de 6 ventiladores para o Hospital Distrital da Figueira da Foz, único hospital apto a receber doentes de Covid 19 no concelho onde o Grupo nasceu. Para além dos apoios na área da saúde, o Grupo está, em vários concelhos onde se encontra instalado, a garantir alimentos e outros serviços aos mais carenciados, no âmbito de programas camarários ou de associações de utilidade pública, bem como a apoiar o regular funcionamento de corporações de bombeiros voluntários, no sentido de ajudar estas instituições a manterem- se na linha da frente e no auxílio a toda a população. Segundo Avelino Gaspar, Presidente do Grupo Lusiaves “A responsabilidade do Grupo Lusiaves para com as comunidades locais faz parte do seu ADN desde sempre. E é uma responsabilidade que não se esgota nos gestos solidários ou nas doações, mas também na garantia de maior segurança para todos os nossos colaboradores.” Por esse motivo, a empresa implementou, logo no início de fevereiro o seu plano de contingência. O Grupo mandou produzir máscaras reutilizáveis para entregar aos seus colaboradores, garante ainda viseiras e outros Equipamentos de Proteção Individual que normalmente já utilizam, para que estes possam utilizá-las nos seus atos profissionais, mas também nas suas deslocações a supermercados ou nos transportes. Esta é também uma forma do Grupo se comprometer com as comunidades e de continuar a garantir a sua missão de alimentar diariamente 10 Milhões de Portugueses»

Publicar um comentário

0 Comentários