Município da Figueira da Foz assina Protocolo de parceria com a Associação Plano i, para a prevenção, combate ao bullying e violência interpessoal







O Município da Figueira da Foz, numa parceria com a Associação Plano i, encontra-se a implementar, nos Agrupamentos de Escolas do Paião e Figueira Norte, o «Projeto Plano B», que visa a prevenção, combate ao bullying e violência interpessoal. A apresentação pública deste Projeto decorreu no passado dia 30 de janeiro, Dia Escolar da Não Violência e da Paz, no auditório da Escola Secundária João Gonçalves Zarco, em Matosinhos, onde foi também lançado o Observatório Nacional do Bullying, uma plataforma de denúncia informal de casos de bullying. O «Projeto Plano B», que será também implementado nos Concelhos do Porto e Matosinhos, direciona-se a alunos dos 2º e 3º ciclos, num total de 40 turmas, e decorre de candidatura que a Associação Plano i apresentou ao concurso n.º J-19-31-1, da Direção- Geral de Saúde, tendo por objeto a Prevenção do Bullying e Promoção da Saúde Mental, com o objetivo geral de promoção de um contexto escolar seguro e igualitário, prevenindo e combatendo todas as formas de bullying e de violência interpessoal, em prol da promoção da saúde mental e do desenvolvimento integral positivo dos/as jovens. A intervenção prevista no projeto, divide-se em três fases. A primeira já está em implementação no terreno e consiste na observação e recolha das ´necessidades` específicas de cada contexto escolar. A segunda na realização de um programa de sete sessões em sala, com cada turma, que terão em conta o que foi observado. A esta fase segue-se uma avaliação do programa. A Figueira da Foz surge como entidade parceira no «Plano B», por indicação do Núcleo distrital de Coimbra da EAPN - Rede Europeia Anti-Pobreza, com quem o Município tem vindo a trabalhar em projetos na área da ação social, e numa perspetiva de implementação nacional do projeto, por parte da Associação Plano i. A Associação Plano i é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) sediada no Porto que, desde a sua fundação, tem vindo a ser responsável pela promoção de vários projetos, alguns deles pioneiros, no domínio da promoção da igualdade de género e da prevenção e do combate à violência de género e doméstica.

Publicar um comentário

0 Comentários