Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

2 de julho de 2019

ClimAgir foi ao StreetFood Literário de Montemor-o-Velho | II StreetFood Literário foi um sucesso









No dia 30 de junho, os participantes da 2ª edição do StreetFood Literário de Montemor-o-Velho tiveram mais um motivo para marcar presença no evento que celebrou o espaço público, a literatura, o património e a gastronomia. A tenda expositiva do projeto ClimAgir, da Comunidade Intermunicipal - Região de Coimbra (CIM-RC) esteve no Jardim Municipal para alertar para as questões das alterações climáticas e para as consequências que podem vir a afetar o concelho e o território da CIM-RC. No decorrer do “Espaço ClimAgir”, programa de rádio transmitido em direto pela Rádio Regional do Centro, o presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, ao lembrar que “a preocupação com as alterações climáticas está presente desde o primeiro mandato”, enumerou algumas das ações que têm vindo a ser tomadas e sublinhou: “As medidas implementadas são feitas com base num estudo complexo que se encontra em desenvolvimento sobre as alterações climáticas no concelho”. Na ocasião, Emílio Torrão revelou que “na Feira do Ano vão ser apresentados alguns dos resultados do estudo”, estando previsto o lançamento do manual de boas práticas do uso da água e referiu, a título de exemplo, que “com vista ao uso racional da água, os novos espaços verdes passaram a ter prado de sequeiro ao invés da tradicional relva”. No decorrer da emissão de rádio que contou também com as intervenções de Armindo Valente, presidente da Cooperativa Agrícola do Concelho de Montemor-o-Velho, de Rui Mota, do ClimAgir, e de Maria de São Luís Centeno, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, o edil montemorense alertou “para possibilidade dos fenómenos atmosféricos extremos começarem a acontecer com maior frequência” e, neste sentido, o município “tem feito um investimento na área da Proteção Civil com vista a proteger pessoas e bens”. II StreetFood Literário foi um sucesso No último dia da saborosa iniciativa que decorreu entre 28 e 30 de junho, o Presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho referiu: “Este foi um evento que partiu da iniciativa da unidade de cultura da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho e que vem ao encontro da estratégia que temos para continuar a colocar o concelho no mapa”. “O StreetFood foi um sucesso. A mudança da Praça da República para o jardim municipal trouxe-lhe maior visibilidade, oferecendo uma vista privilegiada para o castelo e a possibilidade continuar a crescer a surpreender os visitantes”, reforçou. A par das deliciosas e sempre surpreendentes propostas gastronómicas das 11 foodtrucks que proporcionaram uma volta ao mundo gastronómica, o II StreetFood Literário proporcionou espaços de animação musical, a possibilidade de partir à descoberta do centro histórico de Montemor-o-Velho, com um original roteiro que une o património à literatura, workshops de ilustração "by MoSk", um Coreto Literário, pensado para os mais pequenos, com jogos, artes plásticas, pinturas faciais e contos, assim como a presença da tenda expositiva do projeto ClimAgir, da CIM-RC, com uma exposição didática, oferta de sobreiros, com vista à promoção da floresta autóctone, oferta de brindes e sessões de exibição de vídeos alusivos às alterações climáticas. O II StreetFood Literário foi organizado pelo Município de Montemor-o-Velho, em parceria com a associação Street Food On Tour, tendo a colaboração do Montemor Sketchers - MoSk e da CIM-RC (ClimAgir), e o apoio do Hotel Abade João.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Mais recentes em destaque

Direitos de Autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.

Copyright © Foz ao Minuto