“Engenheiras por um dia” da Joaquim de Carvalho na Verallia









Na passada quinta-feira, 2 de maio, no âmbito do Projeto "Engenheiras por um dia", 33 alunos e alunas do 10.º ano, deslocaram-se à vidreira figueirense Verallia, para tomarem contacto direto com a esfera do mundo do trabalho e poderem testemunhar in loco o processo da produção do vidro. 

Foram recebidos, de forma calorosa e entusiasta, pela Engenheira Célia Carrasqueiro que, de forma bastante esclarecedora, forneceu informações sobre esta unidade, que prima pela qualidade, pela segurança, e pelo bom ambiente de trabalho. Esclareceu ainda quais as competências mais valorizadas hoje em dia no mundo do trabalho e como é importante para a profissão de engenheiro(a) resolver problemas e saber gerir equipas. Referiu que o número de engenheiras que trabalham na Verallia é inferior ao de engenheiros, devido à falta de candidatas aos lugares. Adiantou que, hoje em dia, a atitude é primordial, importam as pessoas e aquilo que fazem também a nível social (as competências não técnicas). Apelou à consciência social, por exemplo à importância da reciclagem, referindo que 70 a 80 por centro do material usado na Verallia é matéria reciclada, mas ainda é necessário ir a outros países, nomeadamente ao norte da Europa, buscar essa mesma matéria. 


Seguidamente, e após cuidadosos esclarecimentos, o grupo, devidamente equipado, entrou na parte da produção das garrafas de vidro. Aí foram dadas informações sobre todo o processo de produção, tendo os grupos sido amplamente elucidados sobre as diferentes etapas que permitem que uma garrafa de vidro seja produzida em cerca de oito segundos. Tratou-se de uma tarde diferente, longe dos portões da escola mas mais perto do futuro que se avizinha.

Publicar um comentário

0 Comentários