Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

15 de abril de 2019

Montemor-o-Velho venerou Senhor dos Passos







Cumprindo a tradição, no Domingo de Ramos, a procissão diurna do Senhor dos Passos, no dia 14 de abril, voltou a atrair muitos fiéis, populares e entidades a Montemor-o-Velho. A Solene Procissão do Senhor dos Passos, que se iniciou na igreja de Santa Maria de Alcáçova, no Castelo, com o Sermão do Pretório, passou pelas ruas do centro histórico, com o Sermão do Encontro, na Praça da República, tendo terminado na igreja do Convento de Nª Sr.ª dos Anjos, com o Sermão do Calvário. A par dos sermões, proferidos pelo pároco Francisco de Morais Silva, o cortejo solene, abrilhantado pela Associação Filarmónica 25 de Setembro, contou igualmente com o Canto da Verónica nos 7 Passos do Senhor, entoando a oração em latim “O vos omnes, qui transitis per viam, attendite, et videte si est dolor imilis sicut dolor meus (Ó vós todos que passais por este caminho, vede se há dor igual à minha dor)”. O presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, acompanhado do presidente da União de Freguesias de Montemor-o-Velho e Gatões, António Pardal, marcou presença na sentida manifestação de fé e devoção e, à margem da iniciativa, com palavras de agradecimento à organização “pela preparação de uma das procissões mais emblemáticas da Vila”, reforçou: “A Solenidade do Senhor dos Passos é uma tradição que honra Montemor-o-Velho”. Recorda-se que os diversos momentos da programação do Solenidade dos Passos contaram com a organização da Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Velho.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Mais recentes em destaque

Direitos de Autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.

Copyright © Foz ao Minuto