Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

5 de fevereiro de 2019

Montemor-o-Velho: Alunos de Arazede e Pereira (re)descobrem Inês de Castro e Os Lusíadas



O amor entre o infante de D. Pedro e a dama de Castela, retratado n’Os Lusíadas, e a inspiração que o episódio tem despertado nos ilustradores ao longo dos séculos foi o mote para dezenas de alunos, das turmas do 9º ano da EB2,3 de Arazede e da EBI de Pereira, assistirem à palestra "O puro amor n' Os Lusíadas: de Inês de Castro à ínsula divina", proferida por José Augusto Bernardes, diretor da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra (BGUC), no dia 4 de fevereiro.


A adjunta do Presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Delmina Leitão, deu as boas-vindas aos participantes, destacou a importância do episódio de Inês de Castro e, dirigindo-se aos alunos, reforçou: “Desejo que seja um momento em que vocês possam aprofundar os vossos conhecimentos e que aproveitem, da melhor forma, o que vos vai ser transmitido por tão distinta pessoa”.
Antes do participado momento de debate e troca de ideias, José Augusto Bernardes, ao desvendar algumas curiosidades sobre Os Lusíadas e Luís Vaz de Camões, referiu: “Só existiu uma Inês. Camões imaginou-a de uma forma e os ilustradores representaram-na de maneiras muito diferentes”.
“A exposição é uma imaginação visualizada daquilo que Camões contou por escrito”, reforçou.
Realizada no âmbito da exposição iconográfica e bibliográfica dedicada a Inês de Castro, o palestrante enquadrou os diversos aspetos presentes na exposição e surpreendeu a jovem plateia com a explicação do episódio de Inês de Castro, presente n’Os Lusíadas, e também com a sua relação com o episódio da Ilha dos Amores.

A exposição "Tu, só tu, puro amor: visões camonianas de Inês de Castro”, da BGUC, está patente, entre as 10h e as 18h, até dia 7 de fevereiro, na BMAD, com entrada livre.



Sem comentários:

Enviar um comentário

Mais recentes em destaque

Direitos de Autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.

Copyright © Foz ao Minuto