Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

24 de fevereiro de 2019

Homenagens e confiança no futuro marcaram 50 anos do Grupo Desportivo "Os Águias"


No passado dia 23 de Fevereiro, o Parque Desportivo Júlio Jorge Simões, nas Faíscas, na freguesia de Arazede, juntou mais de três centenas de participantes nas comemorações do 50º aniversário do Grupo Desportivo “Os Águias”. O desencerramento de uma placa comemorativa dos 50 anos e a entrega de lembranças a muitos daqueles que contribuíram para a história do clube aniversariante, cuja data de fundação oficial remonta a 23 de fevereiro de 1969, foi um dos pontos altos do momento festivo. 



O presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, acompanhado do vice-presidente José Veríssimo, fez questão de marcar presença na iniciativa e, com palavras de reconhecimento aos fundadores, referiu: “Quando se decidiram juntar, estavam longe de imaginar que Os Águias se iriam tornar numa entidade com esta grandeza. Tenho muito orgulho neste clube”. Ao destacar “mística e a união do grupo”, o edil montemorense sublinhou: “Os Águias são um clube de referência do concelho pela dedicação que tem às camadas jovens e à formação, fazendo com que seja portador de uma mensagem para o futuro de grande esperança”. Com palavras de reconhecimento às diversas direções e a todos os que ajudaram a criar “um clube que é muito grande no concelho e na região”, Emílio Torrão, destacou também “a gestão exemplar que a atual direção está a fazer”. De igual modo, Adelino Rocha, presidente da direção do Grupo Desportivo “Os Águias”, agradeceu a colaboração de todos e disse: “A história do Águias resume-se a trabalho. Os fundadores começaram este clube a cavar e a carregar saibro para fazer o campo. Nós continuamos, hoje em dia, com essa mística. Não andamos com enxadas, mas andamos com os tachos e as panelas a participar nas tasquinhas [do 15 de agosto e dos eventos municipais] porque é assim que conseguimos arranjar dinheiro para o nosso funcionamento”. “Continuamos a ser um clube de referência no concelho e temos equipas em todas as camadas jovens, seniores e veteranos”, reiterou. No momento, Manuel Veríssimo, presidente da Assembleia geral d’Os Águias, e o presidente da Junta de Freguesia de Arazede, Eusébio Campos, felicitaram o clube e, respetivamente, aproveitaram para destacar “o trabalho excelente que tem sido desenvolvido” e “o exemplo que Os Águias deixam para além do desporto, com a aposta no desenvolvimento pessoal dos atletas”. Em dia de festa e de manifestações de confiança no futuro da instituição, Rui Monteiro, da equipa de veteranos e ligado ao Águias desde a sua fundação, lembrou, por exemplo, algumas curiosidades e peripécias dos primeiros pontapés do clube, em 1968, e alguns dos elementos que deram o seu contributo e que foram preponderantes para o desenvolvimento da instituição arazedense ao longo dos anos. A realização de um almoço convívio, de uma missa abrilhantada pela Academia Musical Arazedense, de jogos amigáveis entre várias gerações e de uma divertida sessão de Dr. Why com perguntas personalizadas sobre o Águias foram outros dos momentos que assinalaram o 50º aniversário do Grupo Desportivo “Os Águias”. Manuel Maria Jesus (Pronto), Manuel Rachado, Manuel Cardoso do Santos, Hermes de Oliveira, Licínio Oliveira (Manco), Manuel Azenha, José Moinho, Manuel Maria de Oliveira e Júlio Jorge Simões foram os fundadores d’Os Águias.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Copyright © Foz ao Minuto