Pombal promove mês da alimentação



O Município de Pombal dedica do mês de outubro à alimentação, e promove de 19 a 31, nas escolas do concelho, o projeto “Vamos Criar uma Horta?”, que pretende incentivar a criação de hortas em meio escolar. Este projeto pretende elucidar as crianças e a restante comunidade educativa acerca de temas como a alimentação saudável e a sustentabilidade alimentar, promovendo, assim, o consumo de produtos sazonais e locais, envolvendo alunos de dez escolas do concelho.


Outra das iniciativas que o Município preparou para assinalar este mês irá iniciar-se esta quinta-feira, dia 18, e denomina-se “Lanche… tu escolhes!”, inserida no Projeto 3I’s – Intervir, Integrar e Incluir – E6G, atividade que terá uma duração de cinco semanas. A atividade pretende promover a adoção de hábitos alimentares saudáveis, nomeadamente nos lanches escolares do 1º ciclo do ensino básico, através da motivação das crianças para a escolha de alimentos saudáveis e preparação de lanches equilibrados, em conjunto com os seus pais, em casa.
De relembrar que o Projeto 3I’s – Intervir, Integrar e Incluir – E6G é promovido pelo Município de Pombal, e resulta do financiamento do Programa K’Escolhas, e que tem a Adilpom como entidade gestora. É desenvolvido sob a modalidade de consórcio, tendo o Município como parceiros a Adilpom, o Agrupamento de Escolas de Pombal, o Agrupamento de Escolas Gualdim Pais e a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Pombal.
No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Alimentação, o Município deu também o arranque para mais uma edição do projeto Heróis da Fruta, um projeto de âmbito nacional, desenvolvido pela Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil, e que este ano decorrerá em parceria com o projeto Saúde Oral Bibliotecas Escolares.
Esta é mais uma iniciativa do Município de Pombal que tem com objetivo a promoção de estilos de vida saudáveis, através da motivação do consumo diário de lanches escolares mais equilibrados, com a inclusão de fruta nas refeições das crianças, incentivando-os à adoção de hábitos de saúde oral na escola.
Ainda no âmbito do mês da alimentação, o Município promoveu uma ação de acompanhamento e de sensibilização do Programa Operacional de Apoio às Pessoas Mais Carenciadas, subordinada ao tema “Alimentação: Planear, Comprar, Conservar e Confecionar”.
Aquele programa visa diminuir as situações de vulnerabilidade que colocam em risco a integração das pessoas e dos agregados familiares mais frágeis, numa lógica de intervenção mediante apoio alimentar e outros bens de consumo básico, e desenvolve medidas de acompanhamento para a capacitação de pessoas mais carenciadas com o planeamento e gestão da alimentação, de forma segura, saudável e económica, em função dos alimentos disponíveis.

Publicar um comentário

0 Comentários