Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

24 de setembro de 2018

Nacional de Juvenis: SG Sacavenense vence Naval 1893 por 2-0

Foto Exclusiva Foz ao minuto- Crédito de Paulo Fernandes






Campeonato Nacional de Juniores B (SUB-17) 1ª Fase Série C
5ª Jornada
Resultado Final: SG Sacavenense 2 x 0 Associação Naval 1893

SG Sacavenense
Associação Naval 1893
Lemos
Ferrão
Derley (74´)
Luis
Gonçalo (Capitão)
Loia
Galvão
Dany
Walter
Alex (70´)
Coimbra (61´)
Vítor Guardado
Henrique Sousa
Ruben Loureiro
Diogo Silva (53´)
Pedro Caldeira
Vasco Catatão
Dinis Santos
Afonso Caleia (49´)
Rui Cunha (61´)
Pedro Lucas
Tomás Costa (Capitão)
Treinador: José Duarte Treinador: Carlos Afonso
Suplentes:
Edu
Filipe Santos
Gama
Dores
Hernâni (74´)
Lima (70´)
Tomás Francisco (61´)
Suplentes:
Henrique Fernandes
Gerson Neves
José Bento
Ruben Ribeiro
Bernardo Matos (61´)
Guilherme Preces (49´)
José Gata (53´)
Disciplina:
Cartões Amarelos
Luís (59`)
Dany (68´)
Cartões Vermelhos
Sem registo
Disciplina:
Cartões Amarelos
Ruben Loureiro (42´)

Cartões Vermelhos
Sem registo
Golo(s):
Alex (28´)
Tomás Francisco (63´)
Golo(s):
Sem registo
Árbitros: AF ÉVORA
Principal: António Fernandes
Auxiliar 1: João Marques
Auxiliar 2: Vasco Isabel
Local do Jogo: Complexo Desportivo Elias Pereira - Sacavém
Data: Hora: 11:00
Assistência: aproximadamente 100 pessoas
Resultado ao Intervalo: 1 – 0
Tempo Extra 1ª parte: 0 minutos Tempo Extra 2ª parte: 5 minutos



Crónica:

O Sacavenense entrou em campo determinado a controlar a posse de bola e fazer circular a bola pelos seus laterais mas nem sempre as coisas corriam de feição uma vez que os cruzamentos para a área dos homens da Figueira pouco ou nenhum perigo causaram, por sua vez os homens da Figueira tinham em Vasco Catatão (um dos mais inconformados) que de longe ia tentando a sua “sorte” como foi o caso aos 11 minutos com um potente remate a ser parado de forma segura por Lemos. 

O Sacavenense só mesmo de bola parada se chegava mais perto da grande área adversária e aos 22 minutos Galvão cobrou um livre do lado esquerdo do seu ataque e colocou na cabeça de Luis que colocou a bola a razar o poste. Estava dado o mote atacante pelos homens de Sacavém e aos 28 minutos após no livre á entrada da área a bola foi disputada e sobrou para Alex que bem posicionado rematou cruzado para o fundo da baliza Navalista. 

Estava assim inaugurado o marcador e a Naval estava em desvantagem mas não baixava os braços e voltava a subir no terreno o que permitiu que Tomás Costa aos 38 minutos pudesse chegar á zona de tiro, mas com o remate a sair sem força para as mãos de Lemos. Aos 39 minutos a Naval dispôs da melhor oportunidade de golo do desafio Pedro Lucas conseguiu isolar-se perto do meio campo á marcação, “galopou” até á área contrária e foi travado com violência pelo defesa adversário Luis que viu o árbitro assinalar grande penalidade. Na sua marcação Tomás Costa rematou para o centro da baliza a meia altura e Lemos defendeu tranquilamente antes do árbitro dar por finalizada a primeira parte do desafio.

Os Navalistas estavam em desvantagem mas com o inicio da segunda parte a equipa queria mostrar que conseguia mais, frente a uma equipa que na condição de visitada e á frente do marcador aplicava um futebol mais faltoso com permissão do árbitro da partida que se mostrava muito permissivo com as faltas gravosas existentes, como por exemplo na entrada de Derley sobre Diogo Silva que obrigou á sua substituição aos 53 minutos. Acabado de entrar aos 61 minutos Tomás Francisco após mais um lance de bola parada a favor dos Sacavenenses em que a defesa Navalista desta vez tardou tardou a “limpar o lance”, conseguiu ganhar posição favorável á entrada da grande área pelo centro do terreno e disparou para o fundo das redes Navalistas aumentando assim o resultado que viria a ser o final.

Até ao final o jogo desenrolou-se de forma pouco objetiva, com muitas paragens por faltas e claro anti jogo por parte dos homens de Sacavém com variados protestos dos homens da Figueira que viram assim o tempo passar de forma acelerada até ao final.



Créditos: Paulo Fernandes




Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.



FotografiaLDA

Principais destaques da semana

Anuncie AQUI

Copyright © Foz ao Minuto