Montemor-o-Velho recebeu elite mundial da Pesca Desportiva




De 3 a 9 de setembro, a elite mundial da pesca desportiva esteve em Montemor-o-Velho a participar no 65º Campeonato do Mundo de Nações de Pesca Desportiva em Água Doce.
No Centro Náutico de Montemor-o-Velho, perante o muito público presente, 22 nações lançaram argumentos para vitória e, no final, a Alemanha pescou os títulos individual e coletivo.



No decorrer da cerimónia de entrega de prémios, o presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, reforçou: “Foi um orgulho receber esta competição e, por parte de todas as entidades envolvidas, o balanço é excelente, tendo sido um evento que decorreu naquela que é considerada uma das melhores pistas da Europa”.
Com palavras de reconhecimento à Federação Portuguesa de Pesca Desportiva e à Associação Regional das Beiras de Pesca Desportiva, o edil montemorense, acompanhado do vice-presidente José Veríssimo, congratulou-se ainda pelo campeonato “ter projetado a imagem do concelho a nível internacional, ter atraído muitos visitantes, assim como animou a vila e a economia local”.
Com um total de 56,067 kg peixe capturado – e devolvido vivo à água logo após a pesagem – a equipa alemã foi a mais forte e sagrou-se campeã mundial da modalidade, ficando à frente da Hungria, com 52,810 kg, e da Bélgica, que fechou o pódio com 48,349 kg.
A título individual, o pódio foi constituído por Johannes Böhm (Alemanha), 1º lugar, Eric Di Venti (Bélgica), 2º lugar e Ralf Herdlitschke (Alemanha), 3º lugar.  Alexandre Caudin (França), 4º lugar, e Jacopo Falsini (Itália), 5º lugar, fecharam o top 5 mundial.

Publicar um comentário

0 Comentários