Campeonato do Mundo de Nações de Pesca Desportiva em destaque em Montemor-o-Velho



No dia 4 de setembro, foi apresentado, no Centro Náutico de Montemor-o-Velho, o Campeonato do Mundo de Nações de Pesca Desportiva que, até domingo, vai decorrer da pista daquela infraestrutura concelhia e que vai reunir cerca de 250 atletas em representação de 22 países.


“Este é mais um evento desportivo de alto nível que volta a prestigiar o Centro Náutico, o concelho e o país”, avançou, o presidente da Câmara Municipal, Emílio Torrão, após deixar sentidos elogios Federação Portuguesa de Pesca Desportiva (FPPD) e à Associação Regional das Beiras de Pesca Desportiva (ARBPD).
O edil montemorense, antigo praticante da modalidade, deixou ainda um convite para que todos “venham conhecer o Centro Náutico e assistir a uma prova de altíssimo nível, com uma componente técnica incrível, na qual os melhores pescadores do mundo usam as últimas novidades”.
Na ocasião, o vice-presidente, José Veríssimo, lembrou o trabalho que permitiu a realização do campeonato em Montemor-o-Velho, congratulou-se pela realização de mais uma prova mundial e sublinhou que “foi um trabalho de todos”.
Ao referir que a prova vai decorrer “numa pista fantástica”, o presidente da FPPD, Carlos Baptista, esclareceu que vão estar em disputa dois títulos e que “vão sair de Montemor-o-Velho dois importantes troféus: o título de campeão do mundo individual e, a nível coletivo, o título de campeão de Nações”.
No decorrer da sessão de apresentação, as diversas intervenções dos representes da ARBPD e da FPPD também com responsabilidades na organização da prova e na seleção nacional, deixaram rasgados elogios à pista do Centro Náutico, explicaram os moldes em que vai decorrer o campeonato, assim como fizeram referência às espécies de peixes que podem ser pescados.
Durante a tarde, Emílio Torrão e José Veríssimo voltaram ao Centro Náutico e fizeram questão de desejar os maiores sucessos e de estar à conversa com a equipa portuguesa, que conta com a participação de Henrique Ferreira, pescador do concelho montemorense.
No decorrer da visita, o momento foi ainda aproveitado para cumprimentar o campeão mundial em título, o belga Luc Thijs que voltou a elogiar as condições da pista e, com confiança para revalidar o título, esclareceu: “Estou habituado a outras espécies de peixes, mas espero aprender muito até ao dia da competição”.
De entrada livre, o Campeonato do Mundo de Nações de Pesca Desportiva realiza-se nos dias 8 e 9 de setembro. Os treinos realizam-se até sexta-feira, dia 7, e são também abertos ao público.

Publicar um comentário

0 Comentários