Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

FotografiaLDA

31 de agosto de 2018

Este domingo Pedro Tochas com “Nariz Preto” vai estar na Praia da Tocha



É já este domingo, 2 de Setembro, que Pedro Tochas inicia na Praia da Tocha uma digressão do seu espectáculo de rua, “Nariz Preto”, por 17 municípios da Comunidade Intermunicipal Região de Coimbra, no âmbito da programação da "Coimbra Região de Cultura" promovida por esta entidade. Na organização do evento estão também envolvidos como parceiros o Município de Cantanhede, a Junta de Freguesia da Tocha e a Associação de Moradores da Praia da Tocha.


No Largo da Fonte, a partir das 18h00, Pedro Tochas vai realizar uma actuação que “cria uma aventura épica com a ajuda do público. Mímica, circo e teatro físico, em ambiente de cinema mudo, são os elementos que fazem parte de uma história cheia de mistério e emoção, povoada por heróis e monstros, que prometem encantar e fazer rir toda a família”.

Concebido para ser apresentado em espaços públicos, seja em praças ou em ruas, e dirigido a públicos de todas as idades, o espectáculo recria o ambiente de cinema mudo e remete para um certo imaginário dos filmes de terror dos anos 1980. Segundo Pedro Tochas, ’Nariz Preto” “é uma espécie de filme mudo de terror, mas que não mete medo a ninguém". Povoada por “zombies” e heróis, a história desenrola-se a partir de um artista de rua com uma actuação que descamba, o que o leva a socorrer-se do público para ultrapassar a ameaça de um falhanço. 

O resultado "nunca é o mesmo, porque depende da forma como as pessoas interagem” adianta o humorista.

Pedro Tochas começou por ser “artista de rua, o lugar mágico de todos os dias, de toda a gente. O Teatrão deu por ele e contratou-o para as suas duas primeiras produções. O trabalho de rua nunca parou, mas sentiu falta de outro tipo de formação. Viajou até aos Estados Unidos e estudou malabarismo e comédia física no Celebration Barn Theater.

O seu site oficial refere ainda que “para aprofundar os estudos foi até Inglaterra, ingressou na Circomedia-Academy of Circus Arts and Physical Theatre onde estudou teatro físico. No fim do curso foi convidado a voltar para um ano de especialização. Voltou no ano seguinte mas desta vez com uma bolsa da Fundação Calouste Gulbenkian que o ajudou a suportar o custo de vida em Inglaterra. 

Regressou a Portugal, agora com outra formação e disposto a, mais uma vez, testar na rua tudo o que tinha aprendido. Trabalhou de norte a sul e levou espectáculos ao estrangeiro. Apresentou vários espectáculos a solo no campo do teatro físico até que resolveu arriscar na Stand-Up Comedy, pela qual tinha ganho gosto em Inglaterra”.

O espectáculo de Pedro Tochas na Praia da Tocha faz parte da programação de "Coimbra Região de Cultura" que a Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra está a promover, designadamente no âmbito da acção “Festival Espírito do Lugar”. A operação "Coimbra Região de Cultura" está estruturada em três ciclos temáticos anuais, que consubstanciam a criação, desenvolvimento e implementação de diferentes “camadas” da rede de programação intermunicipal. 

A sua concretização assenta na organização de um conjunto diverso de actividades, tendencialmente distribuídas ao longo de vários fins-de-semana, de sexta a domingo, nos dezanove municípios da Região de Coimbra, contribuindo, assim, para o alargamento da estada média dos visitantes e turistas.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Principais destaques da semana

Anuncie AQUI

Copyright © Foz ao Minuto