Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

FotografiaLDA

4 de junho de 2018

Comando Territorial de Coimbra da GNR assinalou Dia da Unidade em Montemor-o-Velho




MONTEMOR-O-VELHO


No dia 3 de Junho, no Largo da Feira, perante cerca de 500 pessoas, o Comando Territorial de Coimbra da Guarda Nacional Republicana (GNR) assinalou o 9.º aniversário, numa cerimónia presidida pelo major-general Domingos Pascoal, comandante do Comando da Doutrina e Formação da GNR.




Na ocasião, major-general Domingos Pascoal começou a sua intervenção com palavras de agradecimento ao presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, por se ter associado à comemoração do Dia da Unidade, confirmando “a solenidade de um ato pleno de significado institucional para a GNR”.



Na ocasião, ao referir que “a segurança é um bem essencial para a nossa vida em comum”, o comandante do Comando da Doutrina e Formação da GNR destacou: “O distrito de Coimbra tem-se constituído como um exemplo a seguir no que respeita à redução da criminalidade e, muito particularmente, a referente à criminalidade violente e grave. Estes resultados simbolizam o mérito que a Guarda tem de mais valioso: os homens e as mulheres que diariamente dão o seu melhor em prol do bem comum, para garantir a segurança e a tranquilidade dos seus concidadãos”. “Honramos o passado, confiantes no futuro e imanados num desígnio comum de servir Portugal, afirmando, hoje e sempre, uma Guarda humana, próxima e de confiança”, concluiu.


De igual modo, o coronel Carlos Tomás, comandante do Comando Territorial de Coimbra da GNR, elogiou a “colaboração mútua com que a GNR e o Município de Montemor-o-Velho se relacionam para a procura da garantia dos melhores serviços à população, garantindo o interesse público”, assim como realçou a forma como o Município acolheu todas as iniciativas que integraram as comemorações do Dia da Unidade.

Ao referir que a comemoração do 9º aniversário do Comando Territorial assinala também os 103 anos da chegada da 1ª força organizada da GNR ao distrito, o coronel Carlos Tomás aproveitou o momento para apresentar as diversas áreas de actuação da GNR e o trabalho desenvolvido no último ano pelo efectivo constituído por 808 militares e 62 civis, assim como destacou que “foi no distrito de Coimbra que se verificou a maior diminuição da criminalidade”.


“Em termos de criminalidade geral, releva-se o nosso distrito, com 10824 crimes registados em 2017, verificando-se uma diminuição de 602 crimes”. No que diz respeito à criminalidade violenta, houve uma redução de 27%, tendo sido registadas 277 situações, representando uma diminuição de 105 crimes.

À margem da cerimónia militar, o presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, sublinhou: “É uma grande honra para o Município receber as comemorações do Dia da Unidade. É um evento que nós acolhemos desde a primeira hora pelo trabalho que a corporação faz na nossa vila e no nosso concelho, em particular, e em todo o país na defesa da segurança e do bem-estar das pessoas”.

Visivelmente satisfeito com a adesão das pessoas, o edil montemorense referiu: “É um evento que dignifica o concelho e que continua a colocar Montemor-o-Velho no mapa”.
A cerimónia festiva contou também com um momento que evocou a memória dos militares e civis falecidos, bem como foram reconhecidos o mérito e dedicação dos militares com a imposição de condecorações – medalhas de mérito de segurança pública – 3.ª Classe e medalhas de comportamento exemplar – grau ouro e grau prata.


O Dia da Unidade ficou concluído com o desfile das Força em Parada – uma Companhia de Infantaria a dois pelotões; um Destacamento de Intervenção, integrando um pelotão de intervenção, uma secção cinotécnica e uma secção de bicicletas todo terreno; um pelotão motorizado, constituído por uma viatura de patrulhamento rodoviário, dois motociclos do Destacamento de Trânsito, uma viatura de controlo de velocidade equipada com sistema PROVIDA, duas viaturas de patrulhamento urbano, dois motociclos de patrulhamento urbano, uma viatura do Serviço de Protecção da Natureza e Ambiente e uma viatura do Pelotão de Intervenção; uma Esquadra de Cavalaria do Destacamento de Intervenção de Coimbra; e um pelotão infantil constituído por 15 crianças da Escola Básica do 1.º Ciclo da Carapinheira, do Agrupamento de Escolas de Montemor-o-Velho.



Sem comentários:

Enviar um comentário

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Principais destaques da semana

Anuncie AQUI

Copyright © Foz ao Minuto