Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI

23 de fevereiro de 2018

Sindicato dos Estivadores avança com acordo de Lisboa para todo o país

Foto de Arquivo


ESTIVADORES

Via Público


Presidente do sindicato diz que processos na Figueira da Foz e em Setúbal estão quase concluídos. Aproximações com Leixões e Funchal também já começaram. 




«O aviso tinha sido feito logo após a celebração do Contrato Colectivo de Trabalho (CCT), que selou a paz social com que o Sindicato de Estivadores e os operadores do porto de Lisboa puseram fim ao prolongado ciclo de greves que penalizou aquela infra-estrutura portuária, e toda a região de Lisboa, durante o ano de 2016. 

Aquele que era Sindicato dos Estivadores de Lisboa transformou-se num Sindicato Nacional - agora Sindicato dos Estivadores e da Actividade Logística (SEAL) - e o objectivo então anunciado era estender as condições de trabalho conseguidas em Lisboa a todos os portos nacionais».

O presidente do SEAL, António Mariano, confirmou que o processo na Figueira da Foz e em Setúbal está praticamente concluído, e que já em Janeiro iniciou o processo para os Portos de Leixões e do Funchal. “Trata-se de um processo formal, que leva o seu tempo e os seus trâmites. Já tivemos a reacção à primeira proposta, e que foi negativa. Mas nós vamos, naturalmente, responder”, explicou António Mariano. 

O clima de paz social permitiu que no ano de 2017 o Porto de Lisboa observasse um crescimento superior a 19%, elevando para cerca de 12,2 milhões de toneladas o volume de carga movimentada. Segundo a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes, que faz um acompanhamento regular do mercado portuário, este foi “o valor mais elevado dos últimos seis anos e representa um aumento de 1,8 pontos percentuais na sua quota, a qual sobe para 12,7% no sistema portuário nacional”.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.



FotografiaLDA

Principais destaques da semana

Anuncie AQUI

Copyright © Foz ao Minuto