Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

15 de fevereiro de 2018

Cantanhede: Associação quer acesso a incentivos ao empreendedorismo depois dos incêndios de 2017


CANTANHEDE


A Associação Empresarial de Cantanhede (AEC), no distrito de Coimbra, está preocupada com o facto de o município não integrar a lista de concelhos abrangidos pelo Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego (SI2E).
A Associação, que é “representante do tecido empresarial” do concelho, manifestou a sua “preocupação junto da Comissão Coordenação da Região Centro (CCDRC)” por o novo Aviso de Concurso SI2E, programa para “atrair novo investimento empresarial e emprego para os territórios afectados pelos incêndios”, publicado em 8 de Fevereiro, excluir Cantanhede.
“Este aviso de concurso visa apoiar uma estratégia de dinamização dos territórios mais severamente afectados pelos incêndios em 2017, através da promoção de novos investimentos empresariais geradores de emprego e novas empresas, fortalecendo a economia local e promovendo a diversificação da base económica, conforme se pode ler no aviso”, sublinha a AEC, numa nota enviada à comunicação social.
Mas, como “é do conhecimento das entidades públicas e de todos”, o concelho de Cantanhede também foi afectado pelos incêndios de 15 Outubro de 2017, “nomeadamente a freguesia da Tocha”, sublinha a Associação, que “fica na expectativa” que o concelho “e todas as empresas que se queiram candidatar possam ainda entrar neste aviso”, que já abrange cerca de quatro dezenas de municípios dos distritos de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Santarém e Viseu.

Sem comentários:

Enviar um comentário

publicidade.fozaominuto@gmail.com

publicidade.fozaominuto@gmail.com
A melhor forma de anunciar no século XXI
Copyright © Foz ao Minuto