Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

Anuncie AQUI

30 de janeiro de 2018

Montemor-o-Velho aprovou 125 mil euros para Cultura e Acção Social


MONTEMOR-O-VELHO


No transacto dia 29 de Janeiro, na reunião ordinária do Executivo Montemorense, foi dado início ao processo de abertura das candidaturas para as Bolsas de Estudo e para o Programa de Apoio à Actividade Regular 2018, no âmbito do Apoio Municipal a Associações Culturais, Recreativas e Instituições Particulares de Solidariedade Social.




Aprovadas por unanimidade, as duas medidas representam um investimento municipal de 125 mil euros (70 mil para o Programa de Apoio à Actividade Regular e 55 mil para as Bolsas de Estudo).
Para a área cultural, o período de candidatura decorre entre 1 e 28 de Fevereiro e tem como finalidade a atribuição de apoios às actividades desenvolvidas, com carácter permanente e continuado, nomeadamente, no apoio financeiro à manutenção e desenvolvimento das actividades culturais, sociais, recreativas ou outras de relevante interesse público municipal; no apoio na divulgação e publicidade das actividades a desenvolver; e no apoio à formação de dirigentes associativos e técnicos.

Na área da Acção Social, as candidaturas às Bolsas de Estudo decorrem entre 1 de Fevereiro e 2 de Marco, sendo que o número máximo de bolsas de estudo a atribuir são: 5 bolsas por mérito, 25 bolsas por excelência, 2 bolsas por outras situações ou incapacidade, 20 bolsas académicas para o ensino do 2º ciclo, 25 bolsas académicas para o ensino do 3º ciclo, 15 bolsas académicas para o ensino profissional, 35 bolsas académicas para o ensino secundário e 50 bolsas académicas para o ensino superior.

À margem da reunião do Executivo, o presidente da Câmara Municipal, Emílio Torrão, sublinhou: “Continuamos a apostar e a investir nas pessoas, tendo sempre presente que este desenvolvimento também passa pela coesão e afirmação do território e das suas associações”.

“A Acção Social, a Cultura e o Associativismo são áreas que vão continuar a merecer a nossa atenção e investimento, porque acreditamos que a força e o crescimento de Montemor-o-Velho se constroem com a aposta na formação dos nossos jovens e com a criação de condições para o crescimento de um tecido associativo mais dinâmico, capaz não só de atrair mais gente ao concelho, mas também de cativar mais gente a fazer parte das associações”, salientou o edil de Montemor-o-Velho.
Por unanimidade, foram, igualmente, aprovadas as Normas de Participação e Funcionamento do 16.º Festival do Arroz e da Lampreia | Sabores do Campo e do Rio que vai decorrer de 2 a 11 de Março.

Recorda-se que, entre 30 de Janeiro e 13 de Fevereiro, estão abertas as candidaturas para as diferentes áreas da tenda do festival, para os restaurantes aderentes, bem como para os artesãos do concelho.


 

Sem comentários:

Enviar um comentário

FotografiaLDA

FotografiaLDA

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Principais destaques da semana

Copyright © Foz ao Minuto