Bem-Vindo à Foz ao Minuto, líder de audiências na Figueira da Foz

FotografiaLDA

FotografiaLDA

11 de outubro de 2017

«Sinais da Cultura Portuguesa no Oriente» para conhecer no 47.º Caderno Municipal da Figueira da Foz


CULTURA

A Biblioteca Municipal Pedro Fernandes Tomás acolheu, no sábado, dia 7 de Outubro de 2017, a apresentação do 47.º Caderno Municipal da Figueira da Foz. António Augusto Menano assina, pela terceira vez, o texto que dá corpo à edição, desta feita sobre «Sinais da Cultura Portuguesa no Oriente», numa obra que reúne crónicas de viagem dadas à estampa, ao longo dos últimos anos, em diversas publicações, portuguesas e estrangeiras, da Revista Macau ao suplemento «das Artes das Letras» do Primeiro de Janeiro, passando pelos semanários A Voz da Figueira, A Linha do Oeste, Região Bairradina e O Figueirense.

Escritor, cronista, pintor, crítico de arte, António Augusto Menano - que assina também o óleo «Homenagem a Copérnico», cuja reprodução ilustra a capa deste «Sinais da Cultura Portuguesa no Oriente» -, foi apresentado pelo Vereador da Cultura, António Tavares, que agradeceu mais esta colaboração do  autor.

A seleção dos textos deveria ser alvo da análise crítica de António Pedro Pita, mas um imprevisto impediu o catedrático de estar presente na sessão. O antigo  director regional de Cultura do Centro enviou, no entanto, uma dissertação sobre a obra de António Augusto Menano, que foi partilhada durante o lançamento deste «Sinais da Cultura Portuguesa no Oriente».

A finalizar a cerimónia, coube ao autor agradecer ao Município a «abertura de portas à publicação de mais este trabalho», que definiu como «um livro de viagens, mas na aceção da procura do sentido da vida», um desafio que, garantiu, tem levado a cabo com «alegria, privilegiando a descoberta e o encontro», assumindo cada paragem como, simultaneamente, «transição e percurso». À escolha das crónicas presidiu, explicou, o critério da presença portuguesa por terras do Oriente, com vislumbres que vão dos nomes de família, como Pereira, a receitas de enchidos ou palavras e expressões de origem claramente lusitana.
O autor aproveitou a oportunidade para anunciar que, até ao final do ano, será publicado um novo trabalho seu, desta feita com contos e narrativas. O Caderno Municipal n.º 47, oferecido aos presentes por ocasião do lançamento, está agora disponível ao balcão da da Biblioteca e Museu municipais.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Anuncie AQUI

Principais destaques da semana

Copyright © Foz ao Minuto