Anuncio

Anuncio

26 de setembro de 2017

Mariana Mortágua esteve no jantar de campanha da candidatura do Bloco de Esquerda da Figueira da Foz


POLÍTICA

Na passada sexta-feira, dia 22 de Setembro, decorreu o jantar de campanha da candidatura do Bloco de Esquerda da Figueira da Foz com a presença de Mariana Mortágua (deputada), Rui Curado Silva (cabeça de lista à Câmara) e Christopher Oliveira (candidato à Assembleia Municipal) no restaurante Adega da Praia na rua dos Pescadores em Buarcos.


Estiveram presentes cerca de 50 pessoas, num jantar onde discursaram o candidato Rui Curado, centrando a sua intervenção na descaracterização e deslocalização do centro de massa da cidade para uma periferia onde se instalam descontroladamente grandes superfícies comerciais em cima de corredores verdes, contrariando as promessas do actual presidente de câmara e candidato do PS.

Rui Curado classificou de "Holanda da Foz" essa nova cidade que se ergue contra os figueirenses, em alusão ao país onde algumas dessas empresas pagam impostos através de esquemas bastante questionáveis.



Mariana Mortágua centrou o seu discurso no trabalho do Bloco na discussão do orçamento do Estado, onde o Bloco se tem batido cumpra os investimentos e reposição de salários e reformas a que se comprometeu. Realçou o trabalho aguerrido e exigente que o Bloco tem feito, deixando pouca margem de manobra ao governo para se esquivar às suas promessas. Mariana concluiu que também a nível local a Figueira poderá beneficiar dessa exigência e energia que só o Bloco pode transmitir ao executivo local caso os figueirenses elejam um vereador ou mais para a câmara e aumente significativamente o número de eleitos para a Assembleia Municipal e assembleias de freguesia.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Copyright © fozaominuto