Passagem de Ano na Figueira da Foz

10 de maio de 2017

Crónica de Quarta: Três notas sobre política





1)      Parece que neste momento, os líderes europeus estão todos contentes com a vitória de Macron, eu no lugar deles ficava é preocupado. Em 2012, Hollande ganhou e prometeu uma “Europa cheias de delícias”, sucede que falhou e a Frente Nacional alargou a sua base de apoio, tendo nos últimos três anos ganho as eleições europeias, obtido um excelente resultado nas regionais e agora ter conseguido ir a uma 2.º volta. Os grandes pensadores, podem argumentar que o sistema político francês está criado a impedir que um candidato “extremista” alcance uma vitória em eleições, mas a verdade é que a Frente Nacional neste momento é o partido com maior número de votantes em França, pois Macron não faz parte dos quadros de nenhum partido.

2)      Já em Portugal, a elite que nos governa fica contente com os dados económicas que vão sendo publicados. Enquanto houver bom tempo e estrangeiros a aterrar no aeroporto da Portela, as coisas vão correndo bem. Os dados indicam que a economia cresce, ainda bem é pena é não haver investimento público. Mas será que ninguém se lembra de perguntar o que é que anda a fazer o Ministro da Economia. À quanto é que ele não dá uma entrevista e à quanto tempo é que ele não anuncia investimentos estrangeiros. Parece que Manuel Caldeira Cabral, foi um erro de casting e que está na hora de António Costa.


3)      A Rui Moreira as coisas correm na perfeição, vai ganhar as eleições de 1 de Outubro com uma larga maioria, ao afastar o PS não tem de dividir os louros com mais ninguém e ao mesmo tempo eliminou a argumentação do candidato do PSD que se baseava em dizer que é o PS que controla a Câmara Municipal do Porto. Estava mais do que na cara que Rui Moreira não queria qualquer tipo de aliança com o PS, basta lembra que em 2013, a sua candidatura surgiu em oposição à do PSD, na época encabeçada por Luís Filipe Menezes. Já agora que estamos a falar de eleições autárquicas, existe por aí a ideia de que Passos Coelho vai ser o grande derrotado da noite eleitoral. Vamos supor que o PSD conquista a Câmara de Coimbra, Sintra, Oeiras e a do Funchal e que em Lisboa Fernando Medina não consegue alcançar a maioria dos vereadores, então aí não vai ser a derrota que todos previam.


Crónica da responsabilidade de Tiago Ferreira

Sem comentários:

Enviar um comentário

Direitos de autor

Todo o conteúdo deste site encontra-se protegido por direitos de autor. Não é autorizada a cópia permanente, no todo ou parte, e por qualquer forma, do conteúdo deste site, nem a colocação de links para este site em outros sites, sem o consentimento prévio escrito da Foz ao Minuto.

O utilizador não está autorizado a transmitir, distribuir, publicar, modificar, vender ou utilizar por qualquer forma a informação, incluindo imagens, contida neste site.

A prática de plágio é considerada crime, segundo a lei portuguesa.

A Foz ao Minuto encontra-se registada na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) com o número de registo 126961, e encontra-se apta para as suas funções.


Anuncio

Anuncio
Copyright © fozaominuto